Perfil





Dona de casa feliz por natureza, cozinho, costuro, pinto e bordo, mesmo sem ainda ser a dona da minha própria casinha. 

Sou criativa, organizada, perfeccionista, dedicada, cheia de idéias e apaixonada por tudo que faço.

O que eu ainda não sei, dou um jeito e aprendo.

Amo ler,estudar, caminhar, viajar, fotografar e praticar yoga.

Não vivo sem secador, rímel, hidratante e batom, pois sou vaidosíssima e se é pra ser Amélia, tenho que estar linda atrás do avental!  

Sinto um prazer enorme em escrever e cada coisinha postada aqui reflete uma recordação, uma inspiração, um querer, um momento que traduz meus sentimentos e se torna muito especial. 

Sou feliz e agradecida por tudo que tenho, pelo que sou e pelas surpresas maravilhosas que virão! 

Aproveite o passeio e sinta-se à vontade na minha casinha!

Um comentário:

  1. RECADO DE DEUS

    Certa vez um anjo visitou nossa casa.
    Chegou assim como quem não quer nada.
    Foi entrando e se acomodando discretamente.
    Como só anjo sabe fazer.
    Veio disfarçado de menino
    Para não chamar muito atenção
    Mas com um indisfarçável jeitinho de anjo.
    Que só anjo sabe Ter.
    Disse que vinha da parte de Deus
    Trazer um recado importante
    Mas aguardava o melhor instante
    Para dizer com muito cuidado
    (como só anjo sabe dizer).
    Enquanto isso ia esperando
    Envolvendo e conquistando
    Com sua presença de anjo
    Como só anjo sabe ser.
    O tempo foi passando
    E o anjo foi ficando.
    E já era tão comum Ter um anjo em casa
    Que ninguém mais se lembrava
    Que ele apenas esperava
    Para dar um recado (da parte de Deus)
    E que teria que ir embora
    Assim que o recado fosse dado.
    Nós já pensávamos na verdade
    Que o recado era aquela felicidade
    E aquele amor desconhecido
    Que ela trouxera consigo.
    Até chegamos esquecer quem ele era
    Acreditando que o anjo só viera
    Para ser parte da família.
    (como se anjo pudesse fazer parte de alguma família).
    Mesmo assim o momento chegou.
    Um dia nosso anjo acordou muito triste
    Confundindo a todos com aquela tristeza
    Bastante incomum para um anjo sentir.
    É que ele também já se havia acostumado
    E não queria Ter que partir.
    Mas precisava.
    Assim, foi se despedindo de cada um
    E a cada um deu o recado em particular
    (Ao pé do ouvido do coração).
    E então ele se foi.
    Deixando para trás
    Pessoas diferentes das que ele havia encontrado.
    (modificadas pelo tal recado).
    Mas, junto com ele,
    Foi-se também um pedaço
    De cada um.
    Em seu lugar
    Ficou um vazio imenso.
    E uma saudade
    Interminável.
    Infinita.
    (Mas acho que isso também fazia parte do tal recado de Deus).

    (Dedicado ao anjo, Sara Albuquerque Costa, e a todos os pais que tiveram a bênção de agasalhar, por algum tempo, um anjo na terra).

    Lys,
    Não te conheço... Na verdade conheci seu blog ontem 02/07/2012 e fiquei tocada com a sua história e da pequena Theodora. Que dor sem fim...
    Chamo-me Karla, tenho 2 filhos, e hoje ao ler este texto lembrei-me de você... Não sabemos quais são os planos e os desígnios de DEUS para a gente... Acredito que DEUS te deu um recado, pois tanto sofrimento não seria em vão. ACREDITE. Você gerou um anjo e o acolheu aqui na terra, ela deu o seu recado...
    Este texto foi em homenagem à pequena Sara que enfrentou bravamente uma leucemia. Esta família é da minha cidade, Montes Claros-MG, acompanhei a história deles de perto, pois a minha irmã também enfrentava uma leucemia com apenas 7 anos ( hoje está curada e formada!). A missão deste casal foi trazer amparo e conforto para os portadores de câncer.
    Um grande abraço, que Deus te dê conforto e amparo..

    Karla

    Para saber mais veja aqui:

    http://www.fundacaosara.org.br/

    ResponderExcluir

fico feliz quando leio o seu recadinho...
obrigada!