janeiro 10, 2012

como poderei viver?


Daqui alguns minutos fará 7 meses que minha filha nasceu...
Sábado fez 5 meses que ela morreu...
Apesar de tudo que já vivi, sempre fui uma pessoa naturalmente alegre, sorridente e bem humorada, tirando o fato de que quando alguma coisa me tira do sério viro uma leoa, principalmente se for para defender alguém que amo.
Meu blog também nasceu prá ser assim, um reflexo de mim...
Um pouquinho de cor de rosa, outro de poesia, uma diquinha aqui, uma música ali...
Coisas organizadas, receitinhas, citações, orações, inspirações, idéias, reclamações e boca no trombone...
No momento, não sei nem explicar o que sinto ou no que me tornei.
Acho que meu blog também...
Tenho me esforçado para continuar a sorrir e viver tudo que a vida me reserva de bom.
Lá no fundo, apesar de ainda não entender bem o motivo de Deus ter permitido tudo isto, acredito que ele ainda tem o melhor reservado para mim.
Não há nada pior que me possa acontecer, além do que já aconteceu.
Coisas ruins até podem acontecer, mas só me farão cócegas perto da dor que sinto.
Da mesma forma que as coisas boas chegam a me alegrar, mas não plenamente...
É uma alegria triste.
Cada dia é um sentimento e uma surpresa.
Cada sorriso uma conquista.
Hoje sou uma mãe de braços e mãos vazias.
No fundo, sinto que ninguém quer falar sobre a minha filha, como se ela fosse uma coisa ruim.
Nunca foi, não é e nunca será.
Do mesmo jeito que muitos pais se orgulham em falar que o filho começou a andar, falar ou comer sozinho, eu me orgulho de ser mãe de uma pessoinha que lutou cada segundo de sua vida para ficar comigo. Tenho vontade e o direito de falar dela e de sentir falta de não poder viver com ela momentos de descobertas, de carinho e de felicidade.
O tempo vai passando e a desgraça vai se tornando real.
O que parecia apenas um pesadelo, não acaba quando eu acordo.
Talvez, Deus ainda me abençoe com outro bebê e eu serei muito grata por isto, mas nunca mais nesta vida, terei um sorriso inteiro no rosto ou na alma, pois falta um pedaço em mim.
Aquela outra que existia antes, que sorria a toa e que acreditava que no fim tudo ficava bem, descobriu que não é bem assim.
O que a vida me reserva eu não sei, mas não quero que este blog vire um muro de lamentações.
Este ano, tem muita coisa para acontecer, em breve vou me casar, ter minha casinha, minhas panelas e meus novos desafios. Tudo que sempre quis, vem agora num momento que não posso curtir plenamente. Mesmo assim, estou muito feliz com tudo de bom que tem acontecido e com as pessoas maravilhosas que tenho em minha vida.
Quanto ao blog, vou deixá-lo em stand by.
Sei que vou falar da Theodora por toda a minha vida, mas quero também ter vontade de falar de uma roupa bonita, de um corte de cabelo, de uma viagem, de cortinas, móveis, livros e momentos.
Quero voltar a ver sentido nas coisas...
Enquanto isto não acontece, ficarei aqui olhando para o céu a procura de uma estrela que tenha a coragem e o brilho da minha filha, cantarolando aquela músiquinha que eu cantava na escolinha: Como poderei viver? Como poderei viver? Sem a tua, sem a tua, sem a tua companhia...

Bjinhos
Lyz

P.S.: Continuem torcendo muito por mim... Obrigada!

20 comentários:

  1. Liz a única coisa que consigo te falar é que torço para que um dia vc volte a sorrir,sei que nunca mais serás a mesma de antes da Theodora, mas o tempo vai te fazer ver a vida diferente, quando leio suas palavras escritas sinto uma dor enorme porque me coloco no teu lugar tb sou mãe e sei o quanto devas sofrer... estou sempre por aqui e te desejo um 2012 muito amor , paz e saúde.
    Um grande abraço Dani

    ResponderExcluir
  2. Lindo !!! UM GRANDE BEIJO

    ResponderExcluir
  3. Oi Lyz, adorei o seu blog.
    É isso ai garota.

    A conexão que vc tem com Deus é divina e maravilhosa.
    Por isso Deus permite que vc fale e lembre da Theodora.
    Theodora, caçulinha de todos os anjinhos de Deus.
    Theodora, lindo anjinho, você que tem o privilegio de estar tão pertinho e de mãos dadas com Deus, que ao brincar alegremente entre as nuvens macias distribui raios de luz, felicidade e amor, nós também te amamos mto.
    Theodora, de mãos dadas com Deus toma conta de todos nós.

    ResponderExcluir
  4. Estarei torcendo sempre por vc

    vc é dona de uma sinceridade e um carisma incrivel!!!


    Nos tempos difíceis, manter a acreditar em si mesmo ... Há momentos na vida em que as coisas não são perfeitas, quando os problemas parecem cercá-lo. Quando você olha para um caminho através deles, é importante manter uma atitude positiva sobre sua vida e onde você está indo. Você pode se perguntar se você está fazendo as escolhas certas. Você pode se perguntar sobre como as coisas vão sair se você tomar um caminho diferente. Mas você é um indivíduo forte e motivados, que vão subir para enfrentar os desafios que enfrentam. Você é uma pessoa amorosa e quente que ama a vida, e você vai passar por tempos difíceis.
    Que vc esteja sempre com DEus e ele sempre c/ vc !!! beijossssss

    ResponderExcluir
  5. Glaucia R. Ribeiro Garcia11 de janeiro de 2012 12:06

    Nossa Amiga "Chorei", é a vida às vezes nos prega umas peças "INEXPLICÁVEIS" (inaceitáveis) mas Vc pode, consegue e Deus sempre lhe dará Forças p/ seguir adiante, contagiando a todos c/ sua Amizade, Carinho, Companheirismo! AMAMOS VOCÊ!!! Eestarei SEMPRE, SEMPRE ao seu lado... Conte Comigo. Bjuuusss

    ResponderExcluir
  6. Poxa...
    Olá...Meu nome é Ana Maria, sou de Campinas, vivo nos blogs de dietas, coisinhas saudáveis, coisas que todas as mulheres gostam...hj achei seu blog...e estou com vergonha de algumas coisas que faço, como por exemplo, reclamar que meu filho pede pão com nutella às 23:00...Enfim...nem vou colocar aqui...
    Hj vc me deu uma lição de vida...
    Espero que tenha força para enfrentar tudo isso...mas a única coisa que acredito que deva perguntar pra Deus é "Para que" e não "Por quê?"..passamos por algumas na vida!

    Abração

    An@

    ResponderExcluir
  7. O que dizer...chorei! Li sua história e percebi que temos muitas coisas em comum...mas quero te dizer, mesmo sem sequer lhe conhecer, através de uma canção,o que diz meu coração..."Não desista,não pare de crer,os sonhos de Deus,jamais vão morrer.Não desista,não pare de lutar,não pare de adorar,levanta teus olhos e vê,Deus está restaurando teus sonhos..."
    É isso ai...um grande beijo. Patrícia.

    ResponderExcluir
  8. Oi querida! sua mensagem é linda, e apesar de eu não ser mãe ainda, posso imaginar o que você sente porque expressou muito bem, mas espero que você possa sorrir muito ainda porque é uma pessoa especial, e a Theodora, embora brevemente, foi também um ser especial que passou pela vida, creio que o tempo ainda tem muitas alegrias pra tazer para seu coração. Um beijo e um abraço apertado. Léia Augusta

    ResponderExcluir
  9. Oi Ly...Ela vai ser sempre parte de vc e parte da sua historia... e vc precisa mesmo falar dela...ela é sua e vai ser sempre.... Como ja te disse uma vez, vc precisa se apegar a Deus cada dia Mais.... e ele te dara todas as respostas... Creia.. tenha fé.... siga a diante, viva sua vida com toda intensidade e amor.... dias melhores e surpresas virão... vc mereçe pelo amor inexplicavel que vc tem ai dentro.... Conta comigo se precisar......Estarei ai.... mesmo que seja em um recado...... estarei aqui.... e vc vai estar sempre presente nas orações que faço a Deus.
    Fique em paz. grande bjo.
    Gi

    ResponderExcluir
  10. E eu, uma total estranha, passo pelo seu blog e conheço a história breve mas cheia de amor da "dádiva de Deus" e ela me aquece o coração. Sua pequena vive em ti minha querida, não tenha dúvidas. Espero que encontre forças para continuar a escrever aqui.

    ResponderExcluir
  11. Minha querida, falo nessa intimidade por que é assim que sinto, vc uma amiga intima. Já tem algum tempo que descobrir o seu blog e sempre que posso eu entro para olhar. Acompanhei um pouco da sua trajetória estava torcendo tanto para sua pequenina viver. Infelizmente fiquei sabendo hj quando entrei no seu blog. Força, fé em Deus, a sua Theodoro esta ao lado do grande eu sou brincando e feliz. Pedindo a papai do céu te iluminar a cada dia. Um forte abraço e estarei orando por ti. Bjos

    ResponderExcluir
  12. Oi querida, não conheço vc, tampouco vc a mim, mas te respeito e te admiro tanto, vc torna problemas cotidianos banais, me faz me envergonhar de minhas queixas, me faz perceber que a vida é doce. Vc me faz te admirar tanto, vc tem uma força, uma luz, uma energia, sempre soube que há pessoas nesse mundo que são iluminadas, são espiritos evoluidos, vc é uma delas, vc torna a vida mais doce, vc tem o dom das palavras de transpor com doçura os sentimentos. Não sei o que te dizer sobre sua filha, só Deus pode aquietar seu coração. Sou solidária a sua dor e saiba que penso em vc todos os dias desde o dia que conheci seu blog (procurava informações sobre o K-othrine). Peço sempre a Deus para te abençoar,confortar e te ajudar a superar. Tens mais uma amiga! Beijos

    ResponderExcluir
  13. ” Mulher virtuosa, quem a achará? O seu valor muito excede o de finas jóias.” (Pv 31:10)

    Uma mulher de Deus é desprovida da vaidade, pois a vaidade por si só, nada mais é do que aflição de espírito. A mulher que tem compromisso com os mandamentos de Cristo, essa sim, tem paz no coração.

    Querida Lyz, que a sua beleza seja no seu modo de agir!

    Oro para que sejas virtuosa, aos olhos do Pai, tanto quanto as grandes mulheres da Bíblia. Que você alcance a mesma humildade de Ana, a coragem e a sabedoria de Ester, a dedicação e a fidelidade de Rute, a força de Débora e a fé de Sara, tornando-se uma Mulher VITORIOSA!

    Parabéns pelo seu DIA!

    Cássia (De papo com Deus)

    ResponderExcluir
  14. Segure sempre nas mãos de Deus!!ele sabe sobre a nossa vida,então nunca perca a fé!!bjs e força

    ResponderExcluir
  15. Oi Liz, não sei se você vai ler esse comentário, mas ao entrar no seu blog, esperando uma decoração, um PAP, tudo que saímos procurando, me deparei com o sofrimento de uma mãe, amiga nunca passei por isso que você passou, não faço idéia do que sofreu,entendo sua raiva do mundo e até de Deus, gostaria de estar perto de você e te abraçar, há coisas na vida que nunca vamos entender, e a morte de uma filha tão pequena é uma delas, o que eu acredito piamente era que a missão dela se completaria em 57 dias, você nunca vai aceitar isso,mas o tempo vai aliviar sua dor,ela ficará sempre em seu coração, mas Theodora, que só o nome é forte, estará ao seu lado,quando você chora ela chora, mas seu espírito é guerreiro, só perdeu para o que estava traçado, sinto conhece-la nesse momento, mas já é hora de aos poucos ir levantando, devagar, sem pressa e ir trazendo de volta aquela pessoa que vi no início do blog. só te fará bem, e ao seu anjinho também.
    Um abraço de coração.
    Silvia.

    ResponderExcluir
  16. Oi Lyz!

    Fazia um tempão que eu não passava por aqui.
    Sinto muito pela sua perda e pela sua dor.
    E espero sinceramente, de todo coração, que você reencontre sim motivos para sorrir e para seguir em frente, sempre.
    O tempo ameniza as dores, querida. O que permanece é a saudade, mas que fiquem todas as boas lembranças!
    Esterei torcendo por você!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Oi Liz! Como te sigo há um tempo pelo meu blogger, acompanhei daqui a trajetória, torcendo e lendo essas palavras que saem do seu coração. E como vc disse, é verdd as pessoas evitam falar como se fosse algo ruim... É a nos difícil a percepção espiritual, de que de qq forma está tudo certo. Vc não a perdeu de verdade, ela regressou para as mãos da Vida - nós nunca perdemos no mundo fora da matéria. O que perdeu-se, foi o que está aqui os sonhos, as expectativas, o toque, o cheiro, os momentos e isso realmente dói. Mas força para sair da dor da separação e lembrar sempre que ela é parte sua, parte do Todo, e que portanto não existe separação real - no amor! A separação é a dos desejos e a do tempo, nunca do amor, que é incondicional.
    Desculpe o "pitaco" ! Abraços,

    ResponderExcluir
  18. Oi! Cheguei ao seu blog por causa de uma imagem do bombom Rafaello. Achei bonitinho o nome do blog e resolvi espiá-lo. Assim como outras pessoas, não te conheço mas, mesmo assim, achei que deveria te escrever. Espero que o tempo tenha minimizado sua dor. Entenda e aceite a dor como um mal necessário ao espírito. Theodora voltou a ser, com certeza, um anjo iluminado.
    Um beijo carinhoso!
    Paty

    ResponderExcluir
  19. Oi! Cheguei ao seu blog por causa de uma imagem do bombom Rafaello. Achei bonitinho o nome do blog e resolvi espiá-lo. Assim como outras pessoas, não te conheço mas, mesmo assim, achei que deveria te escrever. Espero que o tempo tenha minimizado sua dor. Entenda e aceite a dor como um mal necessário ao espírito. Theodora voltou a ser, com certeza, um anjo iluminado.
    Um beijo carinhoso!
    Paty

    ResponderExcluir
  20. Oi! Acessei seu blog por causa de uma imagem do bombom Raffaello que busquei no Google e resolvi espiá-lo porque o nome do blog chamou-me a atenção. Não pude me conter, e me emocionar, ao ler sua mensagem.
    Entenda que a dor é um mal necessário ao espírito, e, certamente, um dia você e sua princesinha se reencontrarão. Theodora voltou a ser um anjo que ilumina seus dias.

    Fique com Deus!
    Beijo carinhoso!

    Paty

    ResponderExcluir

fico feliz quando leio o seu recadinho...
obrigada!