outubro 03, 2010

dona mathilde...

Coisa boa é almoço de domingo com a família toda juntinha... É panela que não acaba mais, pratos, talheres, copos e aquela bagunça pela casa. Família boa é aquela que conversa, que brinca, que faz piada e barulho, melhor ainda quando se tem um bom motivo para a reunião. Hoje a família do Lê tinha um ótimo motivo para se reunir (comemorar o casamento do primeiro neto), e como em todos os encontros desta família, a estrela foi ela, a dona Mathilde.
Dona Mathilde é adorada pelos netos e amada ao extremo pelos filhos. Não tem aquele visual de nona italiana, mas cozinha que é uma beleza. Traços finos, voz macia e um rostinho que denuncia a "cara" de patricinha que devia ter quando era mocinha. Tanta delicadeza esconde a história de uma vida dura, de um amor proibido, de uma viuvez precoce. Basta você ficar um pouquinho perto dela para descobrir que conhece de tudo um pouco, que é culta e que está sempre preocupada com o bem estar da família.
Achei lindo quando o noivo disse que a única pessoa que tinha lugar reservado na igreja era a vó, lembrei da minha vózinha e da vontade que tinha de que ela estivesse no meu casamento...
Nas voltas que a vida dá, eu recebi de presente um namorado com uma família assim e principalmente com esta mãe. Desde o primeiro momento com eles, senti aquela coisa boa no coração que traduzo como PAZ e HARMONIA e sou muito grata a Deus por isto.

(Miguelito, dona Mathilde, eu e a noivinha)


P.S.: Após saber que a Dona Mathilde tinha feito coxinha para mim, a noiva fez chantagem (rsrsr) e adivinhem? Hoje após o almoço teve a coxinha "especial" de frango para todo mundo e euzinha comi até cansar...
Que delícia!
Só assim mesmo prá eu comer carne...

Um comentário:

  1. Oi querida,

    adorei o que escreveu sobre minha mãe. Pena que a foto não abriu, não sei se é problema no meu blog.

    Beijos
    Cida

    ResponderExcluir

fico feliz quando leio o seu recadinho...
obrigada!