julho 27, 2010

flor de crochê

Esta flor é uma adaptação minha para a receita da Vitória Quintal, da flor usada para fazer o Cachecolar da Fátima Bernardes. Eu encontrei a receita na net para a minha mãe que já fez váááários...
Adaptei desta forma porque queria usar esta linha mais grossa e da forma como orientada na receita, ficaria muito grande. Depois de pronta e arrematada, você pode usar como brochê, como fechamento de colares ou cachecóis, como enfeite em prendedores de cabelo, fazer guirlandas, enfim o que a imaginação permitir.
Fica a dica de que o resultado é ótimo quando feita em linhas mesclas ou rústicas. Vou colocar o passo a passo e escrever a receita do cachecol abaixo caso alguém queira fazer. Um novelo da linha NUAGE da pingouim é suficiente para fazer a rosa e o cachecol, já que este é curtinho. Minha dica é fazer a flor primeiro e depois o cachecol, assim caso falte linha é só esticar bem o cachecol, mas a flor já estará garantida (rsrsrs).
Como tenho tendinite e não posso dar tanta ênfase a estas paixões (tricô e crochê), faço a flor e minha mãe faz o resto. Mas posso garantir que o ponto é facinho, facinho...


Material:
1 novelo de lã NUAGE da Pingouim;
1 agulha para crochê número 4.5;
1 tesourinha de arremate;
1 agulha para arremate de linha grossa.





♥ Passo a passo:

Comece fazendo 6 (seis) correntinhas e fechando-as com 1 (um) ponto baixo (deixe um pedaço de linha antes das correntinhas).

Continue a fazer mais 6 (seis) correntinhas a partir do ponto baixo feito e feche-as com mais um ponto baixo.

Faça da mesma forma até completar 10 (dez) pétalas, de acordo com a foto acima.

Em cada uma das pétalas, faça 1 (um) ponto baixo, 1 (uma) correntinha, 8 (oito) pontos altos, 1 (uma) correntinha e 1 (um) ponto baixo.

Cada pétala ficará desta forma.

Quando terminar de fazer todas as pétalas, o trabalho estará como na foto acima.

Faça mais 6 (seis) correntinhas e feche-as com 1 (um) ponto baixo.

Continue fazendo da mesma forma até completar 8 (oito) pétalas.

Em cada uma das pétalas, faça 1 (um) ponto baixo, 1 (uma) correntinha, 6 (seis) pontos altos, 1 (uma) correntinha e 1 (um) ponto baixo. Elas ficarão menores.

Quando terminar, corte um pedaço de mais ou menos 40 (quarenta) centímetros e arremate com uma correntinha, puxando a linha pelo meio da correntinha até dar um nó. Esta linha servirá para montar a rosa e depois para costurá-la onde você desejar.

Una esta linha que você deixou de sobra com a linha do inicio do trabalho, pois elas estarão próximas.

Dê um nó, unindo as duas linhas.

Corte a sobra da linha menor.

O trabalho ficará então como o da foto acima.

Comece a enrolar as pétalas menores em círculo, continuando com as maiores.
Verifique se alguma pétala não ficou virada para trás.

Costure pela parte de trás cada uma das pétalas maiores e depois o miolo da rosa. Não tenha medo ou receio de ir até a parte da frente do trabalho, pois a linha é a mesma e não ficará feio. Verifique se o formato está de acordo com o que deseja, caso não esteja, é só modelar e costurar com a linha.

Para arrematar, passe dentro do ponto de costura a linha da agulha e puxe até dar um nó. Faça isto mais umas 3 (três) vezes.

Não corte a linha, pois ela será usada para prender a flor onde você desejar.
Quando for prender, vale a mesma dica de passar a linha até a parte da frente da flor (miolo), pois assim a flor ficará bem presa e seu trabalho estará seguro.

O resultado final é este.
Não fica linda?

Receita do Cachecol (minha mãe faz assim):
Colocar 30 (trinta) pontos em uma agulha de tricô número 7 (sete) e tricotar do começo até o final da mesma maneira:
1 (um) ponto tricô, 1 (uma) laçada, 2 (dois) pontos tricô juntos.
Quando estiver com 40 (quarenta) cm, verifique se dá a volta em seu pescoço, caso esteja curto continue tricotando ou estique um pouco o trabalho, puxando-o algumas vezes. Assim que estiver do tamanho desejado (deve passar pela sua cabeça como a gola de uma blusa), arremate o trabalho da seguinte forma:
1 (um) ponto tricô, volte ele para a agulha, 2 (dois) pontos tricô juntos ( o que voltou e o que seria o próximo e volte ele para a agulha.
Continue arrematando desta forma até o último ponto.
Dobre o trabalho ao meio no sentido do comprimento.
Dê um ponto em cada uma das pontas unindo-as.
Depois junte as pontas e una-as usando a agulha de arremate.
Ficará como uma gola solta e deverá passar pela sua cabeça.
Costure então a flor no mesmo local onde você arrematou o cachecol.
Prenda bem, arremate e corte a linha.
Pronto!
Você fez um cachecol com flor!

P.S.: Como eu disse lá em cima, está é só uma das opções, pois a flor fica linda em outros trabalhos também.
Qualquer dúvida comentem que eu responderei com prazer.
Espero que gostem!
Boa sorte!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

fico feliz quando leio o seu recadinho...
obrigada!