dezembro 25, 2009

ho! ho! ho! ho!


HOJE É NATAL e eu deveria estar saltando de felicidade pois adoro o Natal e tudo que vem com ele, a lembrança do Nascimento de Jesus, a gratidão, o meu presépio, a casa enfeitada, as festas, os amigos secretos, as mensagens, os cartões, os presentes e o tão bom espírito natalino que "baixa" nas pessoas. Mas eu tô assim tão prá baixo, tão tristinha por não ter minha vózinha que gostava tanto de ver todo mundo junto fazendo festa, barulho e muita bagunça... Ontem nossa comemoração foi "1/2 BOCA", apesar dos esforços para continuar. Estava todo mundo segurando para não chorar, aí enquanto esperávamos a chegada do povo ficamos na sala com a televisão ligada na "Fazenda", ai a Sheila Melo começou a chorar dizendo que este era o primeiro Natal que ela passava sem a vózinha dela... Adivinha? Buáááááááá! Todo mundo que estava na sala chorou. Depois teve ceia, amigo e inimigo secreto, rimos bastante, mas daquele jeito, né?
Para não ficar só no drama, vou colocar a letra de uma música que eu gosto de ouvir porque me traz lembranças boas de uma época que o melhor cheiro era o do Giz de Cera...

Quero ver você não chorar,
Não olhar para trás,
Nem se arrepender do que faz.

Quero ver o amor vencer
E se a dor nascer,
Você resistir e sorrir.

Se você pode ser assim,
Tão enorme assim eu vou crer
Que o Natal existe
E ninguém é triste
Que no mundo há sempre amor.

Bom Natal, um feliz Natal,
muito amor e paz pra você,
pra você...
(Edson Borges)

P.S.: Sei que "algumas pessoinhas malvadas" deturparam a musiquinha e hoje ela é mais usada e conhecida para outros fins... Mas para mim, ela é uma gracinha e ponto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

fico feliz quando leio o seu recadinho...
obrigada!