maio 18, 2009

chega de hipocrisia...


A agência Euro RSCG Brasil assina campanha uma campanha bem impactante para o CERCA (Centro de Referência Contra o Abuso Infantil), por ocasião do Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Infanto-Juvenil (18 de maio). Revistas, encartes em jornal, além de posteres serão os meios de veiculação do anúncio. O objetivo é conscientizar não apenas a população mais desfavorecida, mas também as classes A e B.

Para saber o que está por trás de uma das partes da imagem, é necessário que o leitor apague a luz.

Na parte superior, aparece uma criança com medo do escuro e a frase “apague as luzes e ajude a acabar com o medo de escuro que a Bia tem”. Na outra metade, com a luz apagada é possível visualizar a silhueta da criança e do agressor e o aviso “Pedofilia. Você pode não ver, mas pode estar acontecendo”.

A técnica utiliza tinta fluorescente para viabilizar a observação no escuro.

Ficha Técnica: Título: Anúncio Fluorescente Anunciante: CERCA Agência: Euro RSCG Brasil Direção de Arte: Daniel Poletto e Kleyton Mourão Redação: Rodrigo Senra Fotografia: Geison Genga Produção Gráfica: Ingo Santos


Como eu gostaria de ter poderes mágicos para acabar de vez com o ABUSO SEXUAL. Mas infelizmente não tenho...Sei o que é sentir esta dor, pois sofri durante toda a minha infância, e o filha da p... era o meu pai. Ninguém pode imaginar o que é, o que significa e como a gente se sente a não ser que tenha passado pela mesma horrível experiência. As marcas ficam para sempre. Eu sofri muito, muito, muito, mas decidi dar a volta por cima e viver uma nova vida, uma vida mais divertida, mais equilibrada, mais próspera e mais feliz, por que minha vida estava passando e se eu continuasse sofrendo tanto era o mesmo que estar ali parada sendo abusada eternamente... Lutei muito para alcançar a PAZ INTERIOR que tenho hoje e posso dizer que esta é a minha maior conquista. Porém, as vezes por alguns instantes aquilo tudo ainda martela dentro de mim e explode. Sei que muitas crianças que passaram por este mesmo tipo de experiência não tiveram o mesmo caminho que eu, nem a minha força para lutar contra todo o preconceito, principalmente o da família... Sei que muitos estão vivendo de uma forma triste e muito cruel e isto me dói ainda mais. Na sexta feira passada o Globo Repórter, fez uma matéria especial sobre este assunto e foi relativamente boa, porém eu questiono o por que este assunto é abordado de forma tão discreta na mídia, quando na vida real ele é tão escancarado? Quem não conhece um caso próximo assim? Porque as leis não são mais eficientes? Porque as pessoas insistem em discriminar a criança que sofreu o abuso, como se fosse ela a responsável por algo tão medonho? Porque a própria família age como se não fosse ali? CHEGA DE HIPOCRISIA! Se você suspeitar de algum caso, não faça vista grossa, procure ajudar mesmo que não saiba como. Peça a Deus que te ilumine e que te ajude a ter uma atitude que ajude a criança e a família em questão. Você pode salvar o futuro dela, pode acreditar. Infelizmente eu não tive alguém que fizesse isto por mim, porém hoje sou feliz em ter conquistado a liberdade de ser quem eu quero, de escolher como quero e de só fazer o que eu escolho... Muitos me criticam por atitudes que tenho e porque não me relaciono com algumas pessoas da “família paterna” , muitos me criticarão porque estou escrevendo tudo isso aqui. Para ambos os casos, fica aqui o meu recado:

Eu sei o que é buscar ajuda e encontrar hipocrisia,

Sei o que é buscar Deus em alguém e encontrar satanás,

Sei o que é acreditar e ser enganada,

Sei o que é ser vítima e ser condenada,

Sei também que esta é a MINHA HISTÓRIA e a MINHA VIDA!

Sou quem sou hoje porque vivi tudo isto...

(Lyz Fatori)

18 de maio é o DIA NACIONAL DO COMBATE AO ABUSO E À EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES.

"O mundo é um lugar perigoso de se viver,
não por causa daqueles que fazem o mal,
mas sim por causa daqueles
que observam e deixam o mal acontecer"
(Albert Einstein)

3 comentários:

  1. Lyz, eu já não lembro como cheguei até sua casinha. Parei de visitar quando você ficou um tempo sem postar, gostei muito quando voltou. Hoje, não pude deixar de comentar sua postagem, a violência sexual é uma das coisas que mais me fazem ter vergonha e nojo da nossa raça, dói saber que acontece e que várias vezes há omissão de quem deveria ajudar.
    Parabéns pela coragem de falar do assunto e, mais que isso, por não deixar que sua vida se resumisse ao sofrimento.

    Adoro seu blog,
    Glauce.

    ResponderExcluir
  2. Nossa Lyz você é maravilhosa e que história. parabéns por sua superação e por ser assim como é hj. Vc parece ser uma mulher linda, carinhosa, talentosa e muito caprichosa. Adoro seu blog, suas histórias e seu humor. Tenho certeza que sua vida será linda e feliz. Sorte de quem for premiado!
    bjsss
    Henrique

    ResponderExcluir
  3. Vc é uma guerreira e vencedora!
    Qtos sentimentos bons ainda resistiram e existem em vc, mesmo depois de uma história tão triste.
    Parabéns!
    Força!
    Que sua vida seja muito feliz!

    ResponderExcluir

fico feliz quando leio o seu recadinho...
obrigada!